5 Tendências de SEO para 2019

24 de julho de 2018 – O dia D do HTTPS
24/07/2018
Case do E-Book Google Ads – O Guia Definitivo de 3 páginas
11/04/2019

5 Tendências de SEO para 2019

Estamos de volta para o primeiro post do ano. Vamos comentar as principais tendências de SEO para 2019 de acordo com especialistas de fontes confiáveis, como o Search Engine Journal e o Search Engine Land.

Meu objetivo aqui não é fazer uma mera tradução de conteúdos publicados em outros lugares, mas apenas resumir com minha seleção particular de fatores que considero mais importantes dentre os que podem ser mais facilmente implementados.

 

1 – Otimização para Intenção

Compreender a intenção dos usuários sempre foi um diferencial para trabalhos de SEO. O grande diferencial do marketing de buscas é trabalhar diretamente com as intenções das pessoas, demonstrada no campo de buscas do Google.

Se o foco é conversão, precisamos otimizar palavras-chave que demonstram intenção de conversão, ou seja, palavras mais do fundo do funil. Consegue criar conteúdos para acompanhar os usuários ao longo de toda a jornada do consumidor? Melhor ainda.

Mas não se esqueça das páginas que farão papel de landing pages. Diante das palavras-chave buscadas, o seu conteúdo é claro? Atraente? Apresenta-se da(s) forma(s) como o público gostaria de consumir (texto, imagens, diagramas, vídeos)?

 

2 – Microformatos (Schema)

Quanto mais evidente é a natureza de um conteúdo para os robôs, melhor para o seu site no Google. Hoje existem diversas marcações para diferentes tipos de dados que podem ser o grande diferencial para o seu site aparecer na frente ou mesmo destacado na página de respostas do Google.

Os microformatos são dados estruturados que se apresentam, ex: “oi, eu sou um review”. Isso é ótimo para os mecanismos de buscas entenderem do que se trata o seu conteúdo.

Pode ser um pouco técnico demais para a maioria das pessoas, mas não é impossível. Veja o site schema.org para saber mais. Se você tem um site em WordPress, ótimas notícias: há plugins prontos para te ajudar.

 

3 – Velocidade de Carregamento

Outro fator que não é novo, mas acreditamos ter um papel cada vez maior, é a velocidade de carregamento das páginas de um site. O usuário é impaciente e o Google sabe disso da pior forma possível (quando ele percebe que não resolveu o problema do usuário porque o seu site foi lento demais para ser útil).

Então, perseguir o menor tempo possível de carregamento pode ser decisivo. Estamos falando de coisas como cache, compactação de imagens e até mesmo mudança de hospedagem para um servidor mais rápido. Faça testes de velocidade para descobrir oportunidades de melhoria.

Mais uma vez, se o seu site é feito com o WordPress, tenho boas notícias para você!

 

4 – Experiência no Celular

A experiência do seu site em smartphones passa a ser a sua principal preocupação, na medida em que as pessoas estão fazendo mais pesquisas pelo celular e o Google oferece resultados otimizados para este tipo de experiência.

Se o seu site não carrega bem em celulares, você já está perdendo clientes em potencial há bastante tempo, mas agora a coisa vai piorar muito.

Quer saber se o seu site é amigável para celulares? Então siga este link.

 

5 – Buscas por voz

Não só as pessoas tem feito mais buscas por voz em celulares, mas os assistentes residenciais, como o Alexa da Amazon e o Google Home estão se difundindo cada vez mais.

Arrisco dizer que parte do que o futuro do SEO nos reserva é uma otimização para robôs que farão as compras, agendarão consultas ou o que quer que seja.

Pense em como o público buscaria por voz em cada etapa do funil.

 

Conclusão

Nem tudo é novidade, mas é sempre bom lembrar dos fatores que tem se destacado cada vez mais.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *